Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Rapariga na Aldeia

Blog pessoal de uma rapariga que vive na aldeia e às vezes vai à cidade.

A Rapariga na Aldeia

Blog pessoal de uma rapariga que vive na aldeia e às vezes vai à cidade.

Sugestão Saudável (6)

Post escrito por Liliana Janicas

 

Emagrecer: sim ou não? Eis a questão!

ema.jpg

Este é o principal motivo dos “meus” pacientes nas consultas de nutrição.

Querem emagrecer, diminuir o volume, o peso, a massa gorda ... Querem sentir-se melhor, mais leves, menos cansados, ter mais energia, melhorar a diabetes, a apneia do sono, diminuir a pressão arterial, o colesterol... mas, muitas vezes, eles querem mas, não querem, eles gostavam de emagrecer... e porque é que digo isto?

 

Porque algumas pessoas pretendem ver resultados mas não querem fazer muito esforço ou não querem seguir aquele plano. Por vezes, querem comer o que lhes apetece e aquilo que gostam muito (geralmente são aqueles alimentos mais calóricos que os ajudaram a engordar!!).

 

Cruzo-me com pacientes que já experimentaram muitas dietas e, algumas vezes, fico com a sensação que querem um “milagre”, que pensam que nós (nutricionistas e dietistas) temos uma varinha mágica e que conseguimos realizar um truque de magia e já está... pluf...  foram-se embora os quilos a mais... mas não, infelizmente não conseguimos fazer nada sozinhos. Nós podemos fazer um plano alimentar para emagrecer mas ele só resulta se for colocado em prática, e convém segui-lo o mais certinho possível!! Sim, eu sei que nem sempre é fácil, que há dias mais atribulados, que há momentos em que o stress domina, que existem as festas, que surgem imprevistos e que para além disto, ainda há dias em que o organismo “pede” um doce...

 

Então, vamos lá por partes, se tem excesso de peso (IMC > 25kg/m2 - ver post anterior: Qual o meu peso ideal?) é aconselhável que procure um Nutricionista ou Dietista para emagrecer, pois com um profissional a ajudar, a tarefa árdua torna-se mais fácil e os resultados irão compensar o esforço e a dedicação!

 

Mas, antes disso, deve parar e pensar:

O que é que eu quero mesmo?

Quero realmente emagrecer?

O que vou ganhar quando eliminar os quilos que estão em excesso?

Como me vou sentir?

 

Geralmente, nós só conseguimos mudar quando percebemos que vamos ganhar alguma coisa com isso, por isso o ideal é focarmo-nos nos benefícios e em como nos vamos realmente sentir quando eliminarmos esses 10 ou 20kg que estão em excesso. Pensar nas vantagens em andar mais leve, em diminuir a gordura total e abdominal que dificulta muitas tarefas, além de aumentar o risco de diabetes e doenças cardiovasculares.

 

Faça uma reflexão, medite sobre o assunto e tome uma decisão!

 

O importante é começar. Pensar que geralmente é um processo a médio ou longo prazo, mas que se não desistir, vai conseguir atingir os seus objetivos! Que até pode haver dias ou momentos que quer desistir, mas pense que assim nunca vai lá chegar. Volte a focar–se no seu porquê e nas vantagens de eliminar esses quilos que não fazem parte do seu organismo e que devem realmente ir embora. Elimine crenças antigas, como por exemplo “desde criança que sempre fui gordinho” ou “eu não consigo emagrecer, os planos comigo não funcionam”!

 

Existem vários planos de emagrecimento, só tem de ser sincero e juntamente com o Nutricionista/ Dietista elaborar um plano de emagrecimento adequado a si, com alimentos que gosta e os resultados irão aparecer!

 

Acredite que é possível!

Seja positivo, seja ativo, seja feliz... é uma questão de escolha!!

 

Cumprimentos nutritivos,

Liliana Janicas

 

2 comentários

Comentar post

A Blogger

Sigam a Rapariga

Follow my blog with Bloglovin Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D