Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Rapariga na Aldeia

Blog pessoal de uma rapariga que vive na aldeia e às vezes vai à cidade.

A Rapariga na Aldeia

Blog pessoal de uma rapariga que vive na aldeia e às vezes vai à cidade.

Sou uma "sem-terra"?

No seguimento disto de "viver na aldeia", lembrei-me de uma expressão que um ex-colega de trabalho (por pouco tempo infelizmente) me endereçou: "És uma sem-terra!". Isto claro, inserido num determinado contexto e que no momento até teve a sua piada.

Estava a ser assunto, na pausa para o cafézinho matinal, as deslocações "à terra" que os meus colegas faziam por esta altura do ano para promover encontros com os outros filhos da terra.

O colega dizia, e com razão, que eu não tinha de ir visitar a família à aldeia mais escondida da Beira Interior.

É verdade, verdadinha, não tenho a família espalhada por esse Portugal fora. 

Aqui na aldeia, aprecio o conforto de sentir que tenho sempre os meus por perto (para o bem e para o mal, é um facto!) e isto facilita-nos a vida, enquanto família, em várias ocasiões.

Vão ter oportunidade de comprovar isto mesmo ao seguir esta minha viagem!!!!

Hoje, entendo que sou uma sortuda pois todos os que preciso e todos os que precisam de mim estão por perto. Bem pertinho por sinal.

Alguém por aí se identifica?

 

A Blogger

Sigam a Rapariga

Follow my blog with Bloglovin Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D