Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Rapariga na Aldeia

Blog pessoal de uma rapariga que vive na aldeia e às vezes vai à cidade.

A Rapariga na Aldeia

Blog pessoal de uma rapariga que vive na aldeia e às vezes vai à cidade.

Madonna em Sintra

 

Se há uns anos me dissessem que a rainha da pop viria de férias a Portugal, mais propriamente "brincar aos pobrezinhos" à Comporta, passear pelas ruas de Lisboa e procurar casa na capital, reconheço que acharia fruta a mais. Mas hoje, e porque Portugal é moda, Madonna andar por Sintra a ver quintas e palacetes com o intuito de comprar é normal mas, acima de tudo, sinal de extremo bom gosto da cantora! Percebo tão bem o facto de se ter apaixonado por uma quinta em Colares e sinto-me assim a modos que engrandecida por Sintra ser uma das minhas vilas de eleição! (ninguém ouse baixar a crista a um português, ok? Não nesta onda de boas notícias para o país!). 

 

Portanto, estando em cima da mesa a hipótese de Madonna comprar propriedade em Sintra, faz com que sejamos quase vizinhas e, quiçá, numa das minhas idas à Casa do Preto ou à Piriquita, deparar-me com Madonna ao meu lado a aviar um pacote de queijadas de Sintra e dois travesseiros! Tudo é possível! Até o facto de eu ter de recorrer ao meu melhor inglês para aconselhá-la a ter sempre por perto um casaquinho para fazer frente à típica aragem que se sente na serra de Sintra! 😁💨🌦🌩🌈🌬😁

 

Sigam o blogue no facebook AQUI e no instagram AQUI (@catiafilipasantos1) 

Uma Macaca na Cidade (27)

A CADEIRA

 

Sim, todos conhecemos A cadeira.

 

Que atire a primeira pedra (ou neste caso, peça de roupa!) quem nunca teve ou tem ainda no seu quarto A cadeira.

thumbnail_the chair.jpg

 

A cadeira é originalmente adquirida e colocada no quarto com intuito decorativo ou prático (este confesso que nunca entendi bem, porque se temos uma cama para dormir/repousar e sentar/descansar, para que precisamos de cadeira no quarto?), mas cedo se transforma n’A cadeira!

 

A cadeira é, nada mais, nada menos, que O mono para onde são atiradas aquelas peças de roupa que vestimos, mas que ainda não estão demasiado sujas/amarrotadas para por para lavar, nem suficientemente limpas/aprumadas para tornar a dobrar/pendurar no roupeiro. E se não estavam ainda demasiado amarrotadas acabam por ficar, porque A cadeira é tudo menos o sítio apropriado para guardar roupa. E depois o que acontece? Acabamos por não voltar a vestir as peças que atirámos para A cadeira porque estão todas abandalhadas e lá as atiramos para dentro do cesto da roupa suja.

 

Então, pergunto-me, porque caímos todos, invariavelmente, neste erro de ter A cadeira no quarto? E até há algumas alternativas engraçadas, quer a nível prático, quer estético/decorativo e eu até tenho uma lá em casa: um cabide de pé, vintage, em madeira escura (muito bonito mesmo). Também há charriots bem engraçados, para um toque mais alternativo. Ou biombos… Os biombos costumam ser lindos mas, atenção, acabam por cair no mesmo problema d’A cadeira!

 

Lá em casa (no quarto), a autoria da instalação “A cadeira” é essencialmente do meu marido, embora eu por vezes dê uma perninha (é mais uns jeans ou um soutien) como coautora.

 

Não me perguntem porque não usamos os bonitos cabides de pés que temos, porque também não vos sei responder…

 

Procuram-se soluções!

Aceitam-se sugestões!

 

roupa-para-bebs-na-fantasia-de-macaco-g-18919-MLB2

Macaquinhas no Sótão 

Alguém disse #7

"Sente-se recompensado/a pela vida e por aqueles que ama, ou os pratos da balança estão descompensados? Tudo na vida requer equilíbrio inclusive no “dar e receber”."

 

 

 

 

Sigam o blogue no facebook AQUI e no instagram AQUI (@catiafilipasantos1) 

E tu Cátia, viste os Globos de Ouro?

Não. Não e não 😢! Não me perguntem porquê mas, está mais ou menos instituído nesta casa que, aos domingos à noite, assistimos em família a um programa num canal nacional! Há uns tempos, eu até nem queria mas, as circunstâncias levaram-me a agarrar ao Agarra a Música. Agora os miúdos querem ver e ouvir as asneiradas do chefe Ljubomir no Pesadelo na Cozinha. De maneira que é assim a minha televisão de domingo à noite. Eles decidem ver o programa e eu digo-lhes que adoro ver baratas na cozinha e finjo estar a divertir-me horrores com aquilo (vidinha de mãe)😏 Se bem que ontem os meus filhos não gostaram do programa porque a cozinha estava aparentemente limpa e organizada. Portanto, deu para perceber que o que eles gostam mesmo é de ver me####, como diria o chefe jugoslavo! 

 

Ora, ontem, e tendo em conta que TUDO estava a acontecer na SIC, ainda tentei contrariar a tendência e mudar de canal mas não consegui. Dois contra uma. Ganharam eles.

 

De maneira que hoje estou a inteirar-me de tudo, vestidinho por vestidinho, através das bloggers de moda que acompanho diariamente.

 

Entretanto, algumas coisas já me passaram pela frente, nomeadamente ISTO vindo de um blogger mas não de moda! E mais uma vez o rapaz fez-me soltar umas gargalhadas! 

 

 

Sigam o blogue no facebook AQUI e no instagram AQUI (@catiafilipasantos1) 

Quando os doces vêm de casa

Na primeira reunião de pais do primeiro ano de escola básica da filha Maria (já lá vão 4 anos), estremeci quando a professora pediu aos pais que NÃO mandassem refrigerantes e doces para os lanches das crianças. Mas isso é possível? pensava eu! Evitei comentar pois era de facto a primeira reunião e não queria nenhum tipo de destaque mas fiquei a cismar no assunto. Com o tempo, fui percebendo que bollycaos, coca-colas e kinder buenos fazem parte da rotina alimentar de muitas crianças! Mas numa proporção bastante superior ao que eu algum dia pude imaginar! O que é verdadeiramente lamentável que DE CASA venham esses grandes exemplos de preguiça alimentar! Chamo de preguiça precisamente porque é mais fácil e cómodo comprar uma dúzia de bollycaos e latas de sumo e enfiar na mochila das crianças ao longo dos cinco dias de aulas do que preparar sandes! 

  

Desde sempre que os meus filhos se queixam da imensa falta de sorte que têm por só levarem pão com manteiga, fruta/iogurte líquido e bolachas maria para os lanches (manhã e tarde). E eu continuo a pregar o meu sermão. Digo-lhes que, aos contrário daquilo que pensam, são uns afortunados por não se entupirem de porcarias todos os dias! Sei que percebem mas são crianças e é-lhes extremamente difícil aceitar de bom grado os seus lanches quando o colega do lado tem, diariamente, chipicaos, bolachas oreo e rebuçados! 

 

Não somos melhores pais pela quantidade de doces que lhes damos! 

Pensem nisso quando estiverem a preparar a lancheira amanhã de manhã! 😃

Herois-da-Fruta-destaque.jpg

Entretanto decorre esta ação de sensibilização nas escolas que incentiva a inclusão da fruta na alimentação das crianças 👌

 

 

Sigam o blogue no facebook AQUI e no instagram AQUI (@catiafilipasantos1) 

Ser mãe e explicadora!

study-1968077_960_720.jpg

 

Hoje os filhos fazem as últimas fichas de avaliação desta primeira ronda do terceiro período.

 

Ufa, que satisfação! 😁

 

Esta sensação de quinta-feira que parece sexta só percebe quem teve de ajudar os filhos a estudar nestes últimos dias. Quem não precisa de o fazer nem sabe a sorte que tem! É que uma mãe (eu) quando está a ser explicadora dos próprios filhos tem dificuldade em afastar-se do papel de mãe e não se passar dos carretos quando, a meio do estudo, ouve "mãe, a que horas é a festa de anos no sábado?", "vou à casa de banho, vou afiar o lápis, vou limpar o nariz", "sabes quantos piratas tenho na prateleira?", "o que vai ser o jantar?" 😡😡

 

Como não ficar possessa com esta concentração zero? Como evitar ralhetes? Como não poupá-los de sermões? Como não dar-lhes descascas? 

 

A explicadora afasta-se por uns segundos (vai à casa de banho sei lá!) e fica a mãe com toda a sua sabedoria, cheia de frases feitas a sublinhar a importância do estudo e eles, eles olham para a janela e dizem que estão a ver um melro e que está a ficar vento lá fora! 😡

 

E é assim sucessivamente! Se há dias em que descubro elevadas doses de paciência que efetivamente desconhecia serem minhas, outros tenho tanta vontade de ajudá-los a estudar como ser operada à apendicite! Esta semana não tem sido fácil a esse nível. Tenho andado que nem uma barata tonta a desdobrar-me entre o quarto dele e o dela, sendo que quando estou com um, o outro está somente a fazer presença no quarto com o livro aberto para disfarçar a maçada! 

 

Quero muito que ganhem autonomia e capacidade para estudarem sozinhos para eu deixar de fazer falta aos poucos ... para eu ir saindo de fininho! Mas parece-me que ainda temos um longo percurso a percorrer! 

 

Se alguma alma caridosa quiser partilhar formas de pôr os miúdos a estudar sozinhos, sou toda ouvidos! 😍

 

Detesto fazer comparações com o que aconteceu no século passado mas, caramba, a este nível, não dei ponta de trabalho à minha mãe que, possivelmente, nem sabia quando era dia de ficha de avaliação! 

 

 

Sigam o blogue no facebook AQUI e no instagram AQUI (@catiafilipasantos1) 

Sugestão Saudável (56)

 

Post escrito pela nutricionista Liliana Janicas 

 

 

3 SALADAS COM ABACATE

 

Esta semana partilho convosco 3 receitas de salada com abacate, no seguimento do post anterior, AbacateComo mencionei o Abacate apresenta vários benefícios nutricionais e pode ser utilizado na culinária de diversas maneiras. Só precisamos de ter ideias e alguma imaginação! Estas saladas são rápidas de confecionar e são excelentes opções para esta altura do ano.

 

 

 

Bolos de Aniversário

Filho Francisco vai fazer 8 anos. Já não gosta de ser tratado por diminutivos cutchi cutchi bebézão da sua mãe. Apesar da sua mãe, de vez em quando, ainda lhe pedir para "bater palminhas" 👏

 

São frequentes as vezes que fica afrontado por lhe sugerir coisas infantis (na sua teoria infantis porque para a sua mãe são bem adequadas à idade). Enfim, quer ser crescido e quando lhe dizem "estás tão grande" há todo um sorriso orgulhoso! Só se esquece que os crescidos têm de arrumar o quarto. Aí é que volta a ser o bebé da mãe!!! 

 

Mas como dizia, o meu rapaz espigadote, vai ter um bolo de aniversário para apagar as suas 8 velas (ou uma gigante com o formato do número 8, logo decide). Já lhe mostrei milhares de sites com bolos de toda a espécie e feitio mas não está fácil convence-lo a desistir da ideia de um bolo do Sporting! Arrrrrrrrr, até já lhe expliquei a atribulada relação que estou a viver com os clubes de futebol. E nada. A opção continua a ser a mesma! Até dia 25 de Maio pode ser que tudo se altere. Ou não! Ou não! Que o menino é persistente 😍

 

 

Sites de bolos de aniversário que me salvem do Bruno de Carvalho, please? 

Conhecem?

 

Agradecida 😍

 

 

Sigam o blogue no facebook AQUI e no instagram AQUI (@catiafilipasantos1) 

A Blogger

Sigam a Rapariga

Follow my blog with Bloglovin Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D